quarta-feira, 20 de junho de 2012

O Futuro que Queremos

A Rio + 20 está chegando ao seu fim e até o momento com poucos avanços, o que para o defensores da causa ambiental, tornou uma conferência de retrocessos.
Os principais pontos defendidos pela diplomacia brasileira ficaram para ser definido no futuro, como os objetivos do Desenvolvimento Sustentável, o fundo para financiar ações para o desenvolvimento sustentável e o fortalecimento do Programa das Nações Unidas para o Meio Ambiente - PNUMA, a qual se transformaria numa agência da ONU, como a FAO.
Contudo, a crise econômica parece que dominou as discussões e os países economicamente mais fortes no cenário internacional impuseram seus interesses. Entretanto, em minha opinião, a crise econômica uma ora será superada, mas a crise ambiental poderá levar a espécie humana ao colapso, pois ao que tudo indica muitos d nossos pares e governos querem manter um padrão de consumo insustentável, que desmata nossas florestas e polui o meio ambiente, pois é uma maneira de manter a economia nos padrões atuais.
Mas afirmo, não é esse mundo que queremos nós sociedade civil, pois queremos deixar um planeta habitável para nossos filhos e netos. 

Nenhum comentário: