domingo, 10 de junho de 2012

Ética e Revolução

Concordo com essas palavras....
(…)
A questão a ser resolvida neste país não é do conhecimento científico, não é dos recursos naturais, não é da riqueza, não...
A Ética é a questão (e a vergonha na cara), do garoto que pede esmolas na rua aos membros do Governo, dos regulamentos condominiais aos escaninhos do Congresso, das cadeiras na escola aos Tribunais Superiores;
Ética, Ética é o que falta. A Ética substancial, constituinte da consciência – eis o que falta, de uma parte a outra, do início ao fim, de um canto a outro, de cima ao baixo.
E encontrá-la (em alguns casos, redescobri-la), seria a melhor e mais interessante das Revoluções.
(...)
Pietro N Dellova, in Sete Dias da Criação, 2012
(texto integral no Blog Caffè Diritto Poesia)

Nenhum comentário: